Pisos para Estacionamentos, cuidados na especificação e patologias

piso-estacionamentos.jpg

Os pisos de estacionamento de veículos são muito comuns em qualquer tipo de obra, seja em subsolos de edifícios residenciais, locais públicos, shoppings centers, atacadistas e supermercados. Porém, se forem especificados de forma inadequada, podem apresentar graves patologias, que a longo prazo ocasionam transtornos e custos com manutenção corretiva, além de custos indiretos por paralização de atividades.

Cuidados na especificação e possíveis patologias: É sobre isso que vamos falar neste breve artigo.

“O barato sai caro” é um termo popular muito aplicável ao caso dos pisos de estacionamento, que muitas vezes não têm a atenção necessária por conta de quem está construindo. São muitas as patologias que podem ocorrer com o uso diário de um piso inadequado. A seguir, listamos algumas muito frequentes:

  • Quebras das bordas das juntas pelo tráfego de veículos ou carrinhos de compras;

  • Agressão da superfície e  formação de desgaste acelerado por agentes agressivos, como ácidos, açúcar, abrasivos, ou tráfego de veículos de carga não contemplados no projeto;

  • Desgaste geral da superfície pela abrasão do uso, devido à baixa resistência do concreto;

  • Recalques / Deformações acentuadas, geralmente em pisos apoiados sobre solos de baixa capacidade de suporte sem o devido preparo da sub-base;

piso-estacionamentos-caminhoes.jpg

Estas são apenas algumas das patologias mais comuns destes tipos de pisos, que podem ser facilmente evitadas com alguns cuidados na especificação destes pisos para estacionamentos:

  1. Escopo de uso do piso: Entender os reais usos do piso na prática, especificando e dimensionando a capacidade de carga adequada do piso, de acordo com as cargas reais. Desta forma, além de aumentar a vida útil, reduzem-se os custos com sua construção por não super dimensionar a estrutura, além de minimizar os custos de manutenção. Não há fórmula mágica que funcione para todos os pisos!

  2. Estudos de solo: São sempre necessários para a correta especificação, pois através da capacidade do solo será determinada a necessidade de reforços, dimensionamento da sub-base e do piso em si.

  3. Contratar uma consultoria especializada: principalmente em grandes obras como edifícios residenciais e comerciais, indústrias, centros de distribuição e logística, entre outros, este investimento se justifica para garantir a adequação dos pisos para as finalidades previstas e a otimização dos custos de manutenção ao longo do tempo.

  4. Acompanhamento de execução: Os problemas de execução de um piso de concreto são extremamente variados, como características inadequadas do concreto, juntas frias, planicidade inadequada e muitos outros. Sendo assim, é muito importante o acompanhamento de toda a execução por um especialista, para garantir sua qualidade final.

Partindo dessas premissas básicas no projeto dos pisos de estacionamento, há grandes chances de sucesso na sua execução adequada, durabilidade e consequente redução de custos de manutenção.

A Monobeton é especialista em soluções para pisos de estacionamentos. Tem alguma obra deste tipo? Solicite um estudo técnico.