Manutenção de pisos e pavimentos, quando efetuar?

WhatsApp Image 2021-08-23 at 13.31.13 (1).jpeg

Os pisos e pavimentos de todos os tipos e para qualquer finalidade exigem inspeções e manutenções ao longo do tempo.

As causas de defeitos podem ser de diversos tipos, como acidentais (quedas ou impactos), vazamentos de tubulações (que causam perda de sustentação), ou por desgaste e danos causados pelo tráfego de veículos e equipamentos. Há ainda as ocorrências ou patologias que foram percebidas na fase de construção e início de utilização, mas por questões de cronograma não foram devidamente ajustadas de início.

 

Este é o tema deste breve artigo. É um assunto de suma importância, mas nem sempre é possível considera-lo na concepção do projeto com o usuário final dos pisos, principalmente no caso dos galpões logísticos para locação. Esta situação hoje é muito comum, sendo o mercado de galpões para locação um grande mercado investidor em pisos e pavimentos de alto desempenho.

 

Citando alguns exemplos mais comuns, temos:

WhatsApp Image 2021-08-23 at 13.31.08 (3).jpeg

Pisos internos em concreto

  • Fissuras de retração – por evaporação da água do concreto nas fases de lançamento, acabamento e cura, e por haverem juntas de indução ou serradas parcialmente limitadas ao livre deslocamento

  • Fissuras por vibração na fase de endurecimento do concreto

  • Fissuras por deformação das camadas de apoio ou por cargas prematuras ou excessivas

  • Danos em juntas por impacto de rodas de empilhadeiras, perda de eficácia do material de tratamento das juntas

  • Desgaste da superfície por deficiência do concreto e acabamento, ou por tráfego intenso localizado com abrasão

  • Outros mais raros, como contaminações no concreto, queda de produtos ácidos ou oleosos, congelamento da água no concreto, ou incêndios.

WhatsApp Image 2021-08-23 at 13.31.14 (1).jpeg

Pisos externos em concreto

  • As mesmas dos pisos internos, porém com maior índice de problemas por conta da exposição aos agentes externos (sol, vento, intempéries) nas fases de execução ou de utilização.

piso-intertravado.jpg

Pisos externos em peças intertravadas

  • Deformações das camadas de apoio – solo, base granular ou de assentamento

  • Deformações por cargas excessivas ou acidentais

  • Desgaste da superfície por deficiência do concreto, agentes agressores ou tráfego intenso

  • Quebras das peças do intertravado por deficiências de resistência do concreto, espessura inadequada, ou carga ou trafego acima do previsto

pavimentacao.jpeg

Pisos externos em concreto asfáltico 

  • Desgaste da superfície por agentes agressores ou por tráfego, com cargas ou frequências acima do previsto em projeto

  • Deformações das camadas de suporte ou do sistema como um todo

  • Fissuração por deformações excessivas, envelhecimento ou acidentais.

Não faltam também condições externas que interferem na durabilidade, tais como intervenções para instalações, aplicação de produtos de limpeza ou processos inadequados, alterações de condições de utilização por mudança de uso ou de layout, entre outros.

Vale lembrar que todos os tipos de pisos e pavimentos são atingidos pelas condições de drenagem ou instalações enterradas, nos casos de falhas de execução de compactação de valas, vazamentos, infiltrações ou enchentes.

Além disso, muitos dos componentes têm limitações de desempenho por conta do tempo de exposição, como exemplo os materiais de tratamento das juntas, no caso dos pisos de concreto. Estes materiais exigem atenção intensa, pois deterioram-se pelo tempo e pelo uso.

Em princípio, a MONOBETON indica a necessidade de inspeções a cada 6 meses em condições normais de uso. Porém, há situações em que este período precisa ser reduzido, seja pelos produtos ou ações atuantes, como também podem ser estendidos se as condições de utilização estão muito abaixo do estimado em projeto.

A MONOBETON tem experiência de mais de 26 anos em especificação, projeto, acompanhamento de execução e manutenção de pisos e pavimentos, vendo-os como elementos integrados à edificação e ao uso da mesma. A manutenção preventiva e corretiva adequada dos pisos e pavimentos é um ótimo investimento ao longo do tempo, garantindo a durabilidade e as condições otimizadas para utilização.